5 Dicas para preparar a loja para a Black Friday

Polêmica, a Black Friday no Brasil infelizmente é conhecida por ser uma época em que algumas empresas se aproveitam para criar promoções ilusórias, nas quais muitas vezes não há promoções reais, mas sim produtos disponíveis “pela metade do dobro”. Felizmente, esse não é um cenário real em todos os modelos de negócio.

Se você é um empreendedor, e tem uma empresa séria saiba que é possível obter muito lucro mesmo na Black Friday oferecendo super descontos durante os dias de promoção.

Essa é uma ótima oportunidade para limpar o estoque, vender e conquistar mais clientes. Continue lendo esse post e veja 5 dicas do empresário Bob Phibbs para que você possa aprender a preparar a sua loja e ganhar muito mais dinheiro na Black Friday!

dicas black friday

Como surgiu a Black Friday?

As sazonalidades que ocorrem no comércio geram inúmeras variações nos lucros das empresas. Para tentar sanar esse problema, bem como aumentar as vendas em períodos específicos, os comerciantes, e posteriormente as equipes de marketing e publicidade criam juntos “eventos”, tais como: feriados, promoções, saldões e queimas de estoque. O modelo mais aguardado do ano é conhecido como Black Friday, mas por incrível que pareça, esse não é um evento recente.

Esta festividade começou nos Estados Unidos nos anos 80, trata-se da data que inaugura a temporada de compras natalícias, com significativas promoções em muitas lojas e grandes armazéns. De acordo com a matéria do blog Retail Doc esta data é comemorada após o Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos, ou seja: “celebra-se no dia seguinte à quarta quinta-feira do mês de novembro.

Contudo no Brasil, a primeira Black Friday só foi acontecer anos mais tarde, no dia 28 de novembro de 2010 e foi totalmente online. A data reuniu mais de 50 lojas do varejo nacional. Com a ajuda das novas tecnologias e a promoção deste dia por parte das diversas empresas, o evento vem se estendendo pelo resto dos países do mundo.

5 dicas para ajustar a sua loja para receber os clientes durante a Black Friday

  • Limpe as instalações da sua loja: de acordo com Bob Phibbs, o primeiro passo é remover as caixas dos produtos, trate de varrer e esfregar cada superfície do piso, pegue seus tapetes limpos o objetivo é fazer com que o seu comércio pareça o “mais novo possível”, por falar em aparecer o próximo item também é fundamental;
  • Aparência da loja: esse step é chamado pelo autor de “Reparar, pintar e reacender.” O conselho é quando tudo estiver limpo é importante que você verifique se: “a pintura está lascada, a mobília quebrada, a sinalização amarelada e conserte-os caso tudo não esteja maravilhoso.” Afinal, os clientes em potencial notam isso quando entram na loja. “você também deve.”;
  • Libere espaço para as pessoas transitarem: o último conselho do autor diz respeito ao ambiente. “Os compradores querem mais espaço para entrar e andar em torno dos itens para escolher.” As dicas do autor acabam neste ponto, mas aqui vão mais duas dicas bônus com base em nossa vivência que poderão te ajudar;
  • Dê destaque aos itens mais caros: verifique em seu estoque quais são os itens mais caros e prioritários para venda. Aproveite a ocasião para utilizar mostruários menores, bem iluminados e criar áreas especiais de exibição para esses produtos de alto lucro;
  • Cadastre os dados dos interessados, mesmo que eles não levem nada: muitas vezes o empresário investe muito na Black Friday, é claro que o foco é vender bastante e obter o máximo de lucro, mas nem sempre isso é possível durante o evento. Então, se acaso um cliente parecer muito interessado em um item, mas não puder levá-lo naquele momento, cadastre os dados do cliente para enviar a ele as futuras promoções.

Não sabe como agir no pós-vendas? Com o isoAtendimento você pode melhorar a qualidade dos atendimentos aos clientes!

Uma ótima opção para facilitar e interligar todos os processos da Jornada do cliente é utilizar um serviço de CRM. Com esse módulo do isoCRM você terá auxílio na gestão de relacionamento com o cliente através do atendimento. Nele, são registradas e geradas todas as informações e ocorrências dos chamados realizados pelos clientes. Por meio dessa base de dados as próximas interações ficarão bem mais rápidas, fáceis e eficientes.

O módulo contempla todos os contatos dos clientes realizados através de telefone, chat, e-mail e redes sociais, registrando todas as ocorrências. A partir dessas métricas é possível medir o grau de satisfação do cliente, a qualidade do atendimento, a frequência dos diferentes tipos de chamados e a rapidez no retorno. Ficou interessado? Acesse o nosso website para mais informações.